29 de jul de 2015

Praianos vence duas seguidas e já soma 13 vitórias no ano

O Praianos somou mais duas vitórias nos últimos dois jogos. Agora já são 13 vitórias em 18 jogos. No sábado,dia 18, o time foi implacável com o Arsenalcool e goleou por 6 a 1 em tarde inspirada dos irmãos Giovanni (convidado) e Cristiano, ambos marcaram duas vezes. Lelo e John fecharam a goleada.O curioso é que o adversário marcou primeiro, mas depois  foi completamente batido. Neste dia, os Praianos confraternizaram na casa do amigo Xandy, primo do Neto. Lá, uma deliciosa tainha assada na brasa e uma recepção incrível do trio Leo Zarrilli, Neto e Garcia

Xandy, Tiba e Leo Zarrili
 Já no último sábado, o Praianos suou a camisa para vencer outro time com o mesmo nome: Arsenalcool II. Desta vez, o adversário colocou toda a sua juventude em campo e correu e rolou muito a bola. Mais uma vez, o Praianos saiu atrás do marcador. Em uma bola alçada para área, o goleiro Jô foi com excesso de confiança na bola e acabou deixando escapar no pé do atacante que só empurrou para as redes.
Ainda no primeiro tempo, o Praianos reagiu. John empatou e o goleador Cristiano virou. No segundo tempo, o Arsenalcool II pressionou muito e deu chance do contra-ataque. O Praianos perdeu várias oportunidades para “matar” o jogo. No apito final, a vitória de 2 a 1, no jogo de menor escore até agora no ano. O destaque do jogo foi o lateral esquerdo Rodrigo Sestrem.

Praianos bateu o Arsenalcool II por 2 a 1

Confraternização
Para marcar a boa fase do time, a turma se reuniu na casa do Praianos Neverton. Lá, um cupim assado de forno, linguicinha, frango e cerveja gelada fizeram parte do cardápio. Neverton teve o auxílio de seus dois companheiros de trio: Alexandre e Leo Garcia. No próximo sábado, o Praianos enfrenta outro bom time, o Barsemlona, em busca das sua 14ª vitória no ano. A confraternização será na casa do Praianos Cabral, que terá o auxílio do Tranca e do goleiro Jô. 

O trio Leo, Alexandre e Neverton




12 de jul de 2015

Praianos empata e mantém invencibilidade



Com três gols de John, o Praianos empatou em 3 a 3 com o quinta-ferinos do Itamirim e fechou o sétimo jogo de invencibilidade. O adversário chegou a estar vencendo por 2 a 0 antes dos 10 minutos do primeiro tempo, mas o Praianos buscou o empate. Mais um vez, o time começou o jogo muito lento e errando passes. O adversário tinha mais posse de bola, mas também não ameaçava muito o gol defendido pelo goleiro Jô.
Numa cobrança de escanteio, Vital apareceu sozinho, por entre a zaga, para marcar o primeiro gol do quinta-ferinos. Não demorou muito e o adversário marcou o segundo gol. A partir daí, o Praianos acordou e foi buscar o empate antes do fim do primeiro tempo, com John duas vezes.
Para a segunda etapa, com Lino e Alberto em campo, o time ganhou em consistência na zaga e movimentação, passando a pressionar o adversário, mas foi novamente numa bola  parada que o quinta-ferinos marcou o terceiro gol. A cobrança rasteira não deu chances para o goleiro Jô. O Praianos não desistiu e foi para o ataque e John empatou novamente o jogo. Os últimos minutos de jogo foram eletrizantes com as duas equipes tentando o gol da vitória, mas as defesas levaram vantagem e o placar ficou mesmo no 3 a 3.

Confraternização
A dupla Giu e Cristiano, com o apoio do Neverton, organizou os comes e bebes. Tudo muito bom, na casa do Praianos Giu. A diretoria agradece ao Giu a hospitalidade. No próximo sábado, o Praianos enfrenta o Arsenalcool e a responsabilidade dos comes e bebes é do trio Neto, Garcia e Leo Zarrilli, que no próximo dia 19 completa mais um aniversário. Vem frutos do mar aí?
  





5 de jul de 2015

Praianos vira em cima do Vasco e conquista a 11ª vitória no ano



Num dos jogos mais empolgantes da temporada 2015, o Praianos bateu o Vasco pelo placar de 5 a 4. E a vitória veio de virada, depois do adversário abrir 2 a 0 nos dez primeiros minutos de jogo. O início do jogo foi bastante complicado para o Praianos. O Vasco permanecia mais tempo com a bola nos pés, enquanto a  equipe do Praianos não se entendia em campo e algumas discussões fortes provocaram o desequilíbrio emocional do time. O adversário se aproveitou e abriu 2 a 0 com certa facilidade, e poderia até ter ampliado se não fossem as grandes defesas do goleiro Jô, um dos destaques da equipe do Praianos.
Aos poucos o Praianos foi se acertando em campo e as oportunidades começaram a aparecer. Neto, aproveitando uma bobeada na saída de bola da zaga descontou para o Praianos. Menos de dois minutos depois, Cristiano empatou jogo. A reação animou o Praianos que jogou a pressão toda para cima do adversário, que passou a errar passes. Em outra boa jogada do ataque, John fez o gol da virada.
Para o segundo tempo, Giovanni e Aurélio entraram no ataque e o time ganhou em força ofensiva, mas foi o Vasco que conseguiu o empate e passou a pressionar, mas a tarde era mesmo do meio-campo Neto, que fez uma das melhores partidas nesta temporada. Em uma bola levantada para área, ele subiu mais que a zaga e colocou o Praianos novamente na frente, num golaço de cabeça. Mas, o adversário era muito forte e foi atrás do empate. Num chute despretensioso, a bola bateu em Wesley e enganou o goleiro Jô. Parecia que este seria o placar do jogo, mas aí apareceu novamente o oportunismo de Neto. Faltando cinco minutos para o fim do jogo, ele recebeu bola de John, na entrada da área, e chutou rasteiro para marcar o quinto e último gol do jogo. A vitória foi muito comemorada pelo Praianos, já que ela veio em cima de um adversário muito forte e ainda de virada.Neste jogo, o Praianos ultrapassou a marca de 100 gols na temporada.

Confraternização
A festa da 11ª vitória do Praianos no ano foi em um lugar especial. A casa-sítio do Praianos Wesley, na cidade de Navegantes. Lá, ele recebeu os amigos na fria tarde noite de sábado. A carne e a cerveja gelada tornaram o ambiente ainda mais “gelado”. Na TV, o grupo curtiu a vitória chilena em cima da Argentina. “Sem dúvida, o Wesley brindou o Praianos com o encontro em um lugar tão belo, junto à natureza”, disse o tesoureiro do Praianos, Alexandre Melo. No próximo sábado, o Praianos tem mais uma “pedreira” pela frente. O Quinta-Ferinos do Itamirim, que vem atrás da revanche, já que no primeiro jogo o Praianos venceu por 5 a 2. Os comes e bebes ficam por conta do trio  Cristiano, Rodrigo Sestrem e Giu. Até lá.   








  

28 de jun de 2015

Praianos busca o empate nos minutos finais



Praianos foi buscar o empate contra o time do Dirceu

 Depois de dois sábados sem futebol, o Praianos voltou a campo neste sábado (27) diante de um adversário muito difícil: o time do Durval, um velho conhecido do Praianos. E o placar de 4 a 4 fez jus ao que apresentaram em campo as duas equipes, embora o adversário tenha sido castigado por dois gols nos minutos finais do jogo. John, duas vezes, Wesley e Cristiano marcaram para o Praianos.

O primeiro tempo foi todo do Time do Durval, que saiu na frente e virou o intervalo vencendo por 2 a 1. O Praianos errava muitos passes e concluía pouco em gol. Para o segundo tempo, o panorama do jogo não mudou muito, com o adversário tendo o maior domínio do jogo e criando as melhores oportunidades. Resultado do maior volume de jogo foi a marcação do terceiro gol. A partir daí, começou a aparecer o futebol de John e Neto, os dois melhores do Praianos em campo. E foi numa boa trama do ataque que o Praianos diminuiu para 3 a 2. O Time do Durval já não acertava os passos e o Praianos cresceu em campo, porém, também cresceu o excelente goleiro do Time do Durval que passou a ser o responsável por impedir o gol de empate do Praianos. No mínimo em três oportunidades, o goleiro “fez milagre”. Numa rápida jogada de ataque, o adversário marcou o quarto gol, e parece ter se acomodado em campo, deixando o tempo passar. O Praianos colocou em campo a velha raça e conseguiu marcar o terceiro gol através de Cristiano. Já nos descontos, o árbitro, Alexandre Melo, marcou uma falta existente sobre Giovanni na entrada da área. John bateu com categoria, por baixo da barreira, sem chances para o goleiro adversário. Sem tempo para mais nada, o placar ficou em 4 a 4.

Confraternização
Depois de muito tempo, o Praianos voltou a se reunir na casa do Praiano John. E foi uma tarde de muito papo e de eliminação da Seleção Brasileira da Copa América. Na churrasqueira, o piloto foi o Junior, cunhado do John, que assou uma excelente carne. A cerveja gelada completou a grande tarde.No próximo sábado, o adversário é o Itavasco, e o trio responsável é Wesley, Tiba e Lino.



14 de jun de 2015

Sem futebol, mas com feijoada no 1001

Sem futebol, mas com muito feijão. Este foi o sábado chuvoso da Família Praianos, que se reuniu pelo sétimo ano consecutivo no Clube 1001, em Balneário Camboriú, para a tradicional feijoada do 1001, organizada pelo trio de aniversariantes Mauro, Pelé e Cristiano.Além da Família Praianos, a patota do Bohemios compareceu em peso, além de outros convidados. Neste ano não teve o futebol em função do mau tempo, porém, não faltou a boa música da Banda do Japa. A feijoada, como sempre, estava espetacular, uma delícia. O trio promotor agradece a presença de todos, e já começa a planejar 2016,pois a feijoada do 1001 já virou tradição. Ficam as imagens de mais este grande encontro.Acesse aqui: http://zip.net/bkrqG1
os anfirriões: Cris, Mauro e Pelé

7 de jun de 2015

Praianos vence em tarde de muitos gols

João Vizinho, Wilson e Neto

O Praianos conquistou uma das mais fáceis vitórias do ano na ensolarada tarde de sábado (6). Diante do Huisman, time da cidade de Navegantes, o Praianos praticamente passeou em campo. O Huisman chegou a assustar, pois largou na frente com menos de três minutos de jogo. E foi só. Depois desse gol, só deu Praianos em campo, que virou o primeiro tempo já goleando por 4 a 1. No segundo tempo, o time marcou outros seis gols, fechando o placar em 10 a 3. Cristiano, quatro vezes, Aurélio três vezes, Neto, duas vezes, e Leo Garcia balançaram a rede para o Praianos.

Confraternização
A confraternização ocorreu na nova residência do Praianos Cabral, onde a turma foi muito bem recebida. Pilotando a churrasqueira, Wilson. Sérgio Tranca completou o trio da cozinha. Destaque para a visita do ex-Praianos JoãoVizinho. No próximo final de semana, o Praianos participa da tradicional feijoada do Clube 1001. Antes do almoço, a bola rola para Praianos e Bohemios, a partir das 10h30min.




31 de mai de 2015

Praianos e Kadiz ficam no empate



Em mais um grande jogo, o Praianos empatou em 4 a 4 contra o bom time da Kadiz, de Balneário Camboriú. E não foi fácil buscar o empate. O Praianos chegou a estar perdendo por 4 a 1, mas conseguiu a recuperação nos 15 minutos finais do jogo. John, Cristiano e Giovani (duas vezes), fizeram os gols do Praianos.
O primeiro tempo foi todo do time visitante, que com um toque de bola envolvente e passes precisos marcou duas vezes. No primeiro deles, uma saída de bola errada da zaga. Os erros de passe continuaram ocorrendo e o Praianos sofreu o segundo gol. Na virada para a segunda etapa, Giovanni, Wesley, Alberto e Tiba, voltando de um longo período afastado por lesão, entraram na equipe. Logo nos primeiros minutos, John recebeu uma bola na entrada da área e chutou forte no ângulo direito, para descontar para o Praianos. O gol animou o time, mas não o suficiente para impedir os contra-ataques da Kadiz. Num lance espetacular na entrada da área o time marcou o terceiro, e não demorou muito para ampliar para 4 a 1. Parecia que seria uma tarde desastrosa para o Praianos, que não conseguia se encontrar em quadra, porém,  começou a aparecer o futebol do atacante Giovanni, que estava em tarde inspirada. O meio-campo John também começou a jogar mais. A dupla passou a incomodar a zaga adversária. Giovanni marcou o segundo gol do Praianos, Cristiano fez o terceiro e faltando três minutos para o fim do jogo, Giovanni voltou a marcar. O adversário parecia cansado em quadra. “Foi um grande jogo, o time da Kadiz tem um excelente toque de bola, eles são muito entrosados e sabem manter a bola nos pés”, avaliou o atacante Cristiano. Esse foi o segundo confronto entre os dois times. Em 2014, jogando no campo da Kadiz, em Camboriú, os dois times também empataram: 7 a 7. O tira-teima ficou acertado para o segundo semestre deste ano em campo ainda a ser definido. 

Confraternização
Após o jogo, os dois times confraternizaram no bar da própria ASPMI, onde rolou um churrasco, cerveja gelada, servida pelo Vasco (dono do bar), música e até a final da Copa do Rei, entre Atlético de Bilbao e Barcelona, assistida na TV. A diretoria da Família Praianos agradece a presença de todos e parabeniza o time da Kadiz pelo excelente nível do jogo. Um agradecimento também muito especial ao Praiano Giu que assou a carne com a qualidade de sempre. Valeu Gil!!!!!!!

Os amigos da Kadiz

Praianos compareceram em grande número